Buscador
Categoria: Esportes

O incrível mundo dos comentários

O incrível mundo dos comentários

Há notícias em que o interessante não é a notícia em si, mas os comentários.

Esses dias deparei-me com a seguinte:

Jornalista dinamarquês deixou Brasil por medo e promete lançar documentário

Sabido que sou, desci aos comentários para ler um pouco a opinião de nossos colegas internautas.

Confesso que fiquei surpreso, e consegui criar alguns padrões.

Os nomes e fotos foram ocultados por razões óbvias.

O HATER
Capturar2_troll

O PATRIOTA
Capturar_patriota

O CONCISO
Capturar_explicaçãofacil

O WTF
Capturar_desconexo

TEORIA CONSPIRATÓRIA
Capturar

A NEGAÇÂO
Capturar se procurar acha

E você amiguinho? A qual grupo pertence?

O mundo segundo a FIFA

O mundo segundo a FIFA

Imagem

Nesse anúncio da FIFA na revista FIFA Weekly #22 de 21 de Março de 2014, vemos essa bonita arte sobre seus 209 países afiliados.

O texto em branco diz, em tradução livre:

“Como uma organização com 209 membros associados, nossas responsabilidades não se limitam apenas a Copa do Mundo FIFA, mas estendem-se a manter as regras do esporte, desenvolver futebol pelo planeta e trazer esperança aos menos privilegiados.”

O curioso é que aparentemente para a FIFA, o continente Africano é um único país, assim como o Sul-americano, enquanto os outros países são devidamente representados.

Fim de um sonho

Fim de um sonho

Depois de 4 anos de projeto e especulação, ontem Portugal venceu a repescagem da Copa do Mundo e eliminou a Suécia.

A estratégia bem tramada descrita no post http://aleatorica.wordpress.com/2010/06/14/quer-transar-com-sueca-loiras-ninfomaniacas-bissexuais/ sofre golpe duro. Ainda que possam vir suecas para nosso país assistir a copa, a eliminação do país diminuirá consideravelmente o número dessas belezuras.

Estatísticas futebolísticas

Estatísticas futebolísticas

Encontrei um site muito maneiro sobre estatísticas futebolísticas aparentemente muito confiáveis, já que é parte integrante do site do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais.

Das estatísticas que você pode encontrar são, não só as costumeiras chances de Campeonato, Libertadores e Queda, como também chances de classificação para a Sulamericana.

Para quem gosta de analisar, esses dados nem são os mais legais, já que ainda encontramos chance de classificação por pontuação, probabilidade de vitória/empate/derrota para cada rodada, sequências de vitórias, derrotas e outros.

Eu encontrei o site porque procurava a classificação do returno.

Veja o índice do site com todas as opções de estatísticas.

Tem até a Série B também.

Mascote da Copa do Mundo do Brasil

Mascote da Copa do Mundo do Brasil

Outro dia aí saiu em alguns sites ‘em primeira mão’ um mascote com pedido de registro de marca feito pela FIFA na Suíça.

Divulgaram uma versão em tons de cinza como vemos abaixo:

Fiquei muito contente. Esse desenho é muito bonito e simpático. O contrário da marca que simbolizará a Copa. Então divulgaram a marca colorida:

Mal gosto indiscutível, uma lástima. Mas parando para pensar, nenhuma surpresa.

Agora, assim como fizeram com a bola da copa, lançaram o concurso para a escolha do nome do mascote. Se você já achava que Brazuca, Bossa Nova e Carnavalesca já eram abaixo da média, se preparem para os concorrentes ao  nome do ex-simpático Tatuzinho:

  • Amijubi
  • Fuleco
  • Zuzeco

Muito triste. Até os nomes do concurso daquele sofrível e mal acabado mascote do Pan do RJ eram melhores: Lucas, Cauê e Guará.

Massas espertalhonas brasileiras

Massas espertalhonas brasileiras

Como temos vistos aqui nesse blog nas análises de propagandas, muitas de nossas propagandas brasileiras são destinadas aos espertalhões. Principalmente aos que se acham espertalhões.

E agora uma amostra de que os marketeiros estão corretos.

Que esporte é tão popular no Brasil? E que esporte o jogador simula pênalti e se consegue convencer, quem recebe a crítica é o árbitro e não o espertalhão enganador?

Sim. O futebol brasileiro é a síntese do nosso povo. Podemos concluir isso através desse excelentíssimo texto sobre futebol de Alexandre Barreto publicado por Juca Kfouri em seu blog.

Massas espertalhonas aparentemente são um ótimo público consumidor.

Estamos salvos para o RIO-2016

Estamos salvos para o RIO-2016

Segundo o portal da transparência, só o gastos para a campanha do Rio na Copa 2016 foi de 100 milhões de reais.

O orçamento total dos jogos,  feito em 2008, é de R$ 27,9 bilhões.

Mas minhas preocupações acabaram quando li essa notícia: Pessoas físicas poderão doar dinheiro para Rio 2016.

O pior é que eu ri quando li a chamada.

Tem aquele estádio de futebol que passou anos reformando, depois disseram que não serve para a Copa e vão ter que demolir e reconstruir tudo. Pior que nas olimpíadas vai acontecer tudo de novo. Logo em 2008, Rodrigo Piva do Blogueiro Repórter já havia alertado:

“lembram do Parque Aquático Maria Lenk, construído para o Pan-07 e que custou R$ 85 milhões, claro, pago com dinheiro público? Pois é, ele não serve para os jogos de 2016. Terão de construir um novo e em outro lugar pois o terreno não permite ampliação.”

Agora outra coisa curiosa. Enquanto pesquisava para esse curto post, encontrei uma matéria no UOL que fala sobre o assunto do gasto do comitê, mas a matéria não existe mais. Conspiração ou erro na matéria? Veja a matéria no cachê do Google aqui.

Isotônicos fazem realmente bem?

Isotônicos fazem realmente bem?

Não tenho nenhuma resposta científica para isso. Mas analisemos um fato:

Um dos patrocínios mais ridículos que existem na história do universo são os de Isotônicos no futebol. A Powerade entrou forte na concorrência desde a Copa do Mundo 2010.  Pelo menos aqui no Brasil, a marca que ela mais disputa é com a Gatorade. Sempre vemos ali na mão do massagista e espalhados pelas laterais do campo de futebol a garrafa de uma das marcas dos isotônicos.

Vocês já repararam como os jogadores jogam esses líquidos na nuca e na testa para se refrescar e como ele aparentemente tem cor transparente?

E também já repararam que interessante como que as garrafas utilizadas nos campos não são iguais as que encontramos no supermercado? Enquanto no supermercado as garrafas são de plástico transparente, no campo eles são de plástico sem transparência que impede visualizarmos aquela cor fosforescente.

Você atleta futebolista que joga de futebol que tem acesso a essas garrafas, por favor me desminta, mas tudo isso nos leva a concluir de que aquele líquido usado nos campos de futebol é na verdade água, enquanto pagamos R$ 3,00 por meio litro de água com sal e açúcar.

Fico imaginando se alguém realmente afirmar que é água e o público e a imprensa pressionarem as marcas por explicações. Eles diriam: “Nós simplesmente patrocinamos as garrafinhas de água, nunca dissemos que o líquido no interior dela eram nossos isotônicos”.

Romário deputado federal

Romário deputado federal

Muitas pessoas acham um absurdo a fortuna que algumas celebridades ganham.

Eu acho justo eles ganharem tanto dinheiro porque aposentando-se ricos, continuam aposentados. Do contrário, todos essas celebridades se voltariam para a carreira política ou seriam pagos para apoiar candidaturas e venceriam facilmente eleições através simplesmente de seu carisma.

Clodovil por exemplo sempre deixou muito claro que nunca se importou muito com o cargo, mesmo assim foi eleito. Outro exemplo icônico é Tiririca. Não sei o que ele anda fazendo por lá.

Agora alguém que está me surpreendendo positivamente é Romário. Já apoiou CPI para investigar o Ricardo Teixeira, entrevistou o jornalista Jennings e agora na matéria mais recente no Ig, diz “Infelizmente, a Copa de 2014 será do Brasil, mas não do brasileiro”.

Não sei quais são suas reais intenções.

Pouco me importa seu partido, mas por enquanto gosto de acompanhar as notícias sobre a vida política dele.